Mensagem de Nossa Senhora, Mãe de Bondade a 1 de abril de 2018

Mensagem de 01 de Abril de 2018

            Meus filhinhos queridos, como é lindo iniciarem esta manhã e este dia, com a paz, e a presença de Jesus Ressuscitado nos vossos corações.

            Vós, que tivestes a felicidade de durante a Semana Santa,  fazerdes de coração aberto, uma linda reflexão e que  vivenciastes a Quaresma como um tempo de adoração e de jejum, tivestes com certeza  a Graça da Bem Aventurança, de saber que o vosso tempo é  presente da presença de Deus. Vivei este presente cumprindo a missão que Deus vos confiou. Ele  ensinou-vos  que o vosso presente basear-se-á naquilo que vós fizerdes  de bom,  traduzido em  atos e ações, e se olhardes um pouquinho para trás, tereis condições de saber se o vosso presente é Feliz, pois que, se  realmente plantastes a semente do bem,  essa semente será colhida por vós.

            Quando se faz o bem, colhe-se o bem, logo, se ao olhardes o vosso tempo passado, poderdes sentir alegria e ter esperança, isso quererá dizer que, apesar de desconhecerdes  o que o futuro vos reserva, hoje domingo de Páscoa podeis sorrir  e sentir as bênçãos da alegria, porque na verdade, para quem ama Deus, mesmo os sacrifícios e as penitências são aceites como bênçãos.

            Os  filhos que tiveram a satisfação de hoje estar aqui, neste Lugar  Sagrado, Corgo da Igreja, tiveram a sensação  de terem cumprido a vossa missão.

            Meus filhos, Eu desejo-vos a todos  Paz, Muita paz, nos vossos corações.

            Fico feliz em receber todos os consagrados  e aqueles que estão se consagrando para serem instrumentos, conforme a vontade de Deus. Filhos silenciosos, filhos humildes, filhos mansos, que buscam assemelhar-se Àquele que nos ama imensamente, “ JESUS “.

            Vós que soubestes viver esta belíssima Páscoa, e a  Ressurreição, abri os vossos olhos a Jesus  Cristo Ressuscitado.

            Quando falamos da Paixão de Jesus, falamos de um longo tempo, de uma caminhada de Jesus. Colocai-vos, meus filhos, dentro do Coração de Jesus, porque o mundo precisa viver a Sua Ressurreição. E quando falamos de Misericórdia, estamos falando do tempo de agora. Caminhar passo a passo com Jesus; refletir quer  sobre o que Jesus fez, quer sobre o que Jesus continua fazendo por vós, refletir sobre a salvação que Ele vos trouxe, sobre a Misericórdia que Ele vos traz e sobre o alimento que Ele é para vós.

            Meus filhos, o que  vedes hoje no mundo? Eu tenho a certeza que muitos de vós iríeis dizer:  “Coisas tão bonitas” Mas, também não iríeis deixar de falar do que é bem mais  real – o sofrimento na terra. Ele é visível. Vedes um sofrimento muito árduo no mundo… – as famílias em pedaços, os jovens perdendo a sua fé, a sua esperança. As crianças não tendo uma infância. Vedes a todo o momento, a aflição das almas… É por  tudo isso que Jesus prepara os vossos corações, e vos ensina que precisais vigiar e orar. Deus vos prova, como filhos abençoados, para ver até onde vai a vossa confiança, a vossa fé e a vossa certeza.

             Aqueles que sabiam que Jesus era Deus estavam confiantes,  oravam e não questionavam o Plano de Deus, aceitavam a vontade do Pai. O coração poderia estar chorando de dor, mas a alma estava em paz. Aqueles que duvidavam de Jesus questionavam-se: “ Mas,  se era  Deus por que morreu? Por que tudo terminou assim?”. Isto é o que acontece com muitos que vêm a lugares como este, Corgo da igreja, onde se vive o Plano de Deus, eles não conseguem entender o Plano de Deus, duvidam e questionam-se. Para quem tem fé, é tão bonito chegar aqui e sentir o Espírito Santo…

            Filhos, precisais  cada dia mais, vos colocar nas Mãos de Deus,  para que não vos afogueis no mundo de pecados.  Deus escuta o vosso coração. Eu sei que muitos de vós saíreis daqui  levando esta preparação. Lembrai-vos que  a Páscoa é transformação, é  mudança de vida. Precisais viver  a Páscoa em vós, com uma conversão verdadeira, com verdadeiro amor a Cristo. Que isto comece hoje nas vossas famílias. Que comece  na vida dos jovens, crianças, do povo de Deus, da Santa Igreja.

            Meus filhos queridos, está na hora de pedirdes perdão. Reconhecer as vossas faltas, e não tentar querer ser único entre todos, o melhor entre todos. É muito mais importante ser um  entre os irmãos, de mãos dadas, com coração aberto, feliz, alegre, com a vossa consciência em paz. É isso que  Jesus vos pede agora. Que deis as mãos, que sejais uma família, que façais uma aliança, sede fortes, tende fé, orai, amai, não deixeis este caminho de Deus, mesmo que, se a meio da jornada cairdes,  levantai-vos, ou se tiverdes  que voltar um pouquinho atrás, porque já estáveis num degrau alto, e ao cairdes voltastes novamente ao primeiro, não desistais, continuai  subindo novamente. Vós podeis cair, mas nunca podeis  deixar de vos levantar. Esta é a Mensagem que Jesus traz para vós neste  Domingo da Ressurreição. Nunca deixeis  de vos levantar.

            Jesus ressuscitou e  glorioso se fez presente junto de muitos que se assustaram. Numa das Mensagens Jesus disse:” Alguns acham que sabem mais do que Deus, mas Deus  é que tudo sabe”. Aqueles que viram Jesus e se assustaram, foi porque achavam impossível, alguém morrer  e ressuscitar. Jesus, entre os Apóstolos, dizia:” Eu sou a Ressurreição.” E quando Ele ressuscitou, muitos, mesmo assim, ainda se assustaram. Contudo,  Jesus já lhes havia dito: “ Eu sou a Ressurreição

            Eu também vos digo, filhos:

             – Eu sou a Mãe de Deus e vossa Mãe. E vós vos esqueceis que Eu sou a vossa Mãe. Por isso, por mais que vós estejais preparados ou busqueis estar preparados, Eu tenho a certeza que  haverá um dia, na vossa vida em que vós vos assustareis com os desígnios de Deus  na terra. O homem, desconfia tanto daquele que tudo pode e sabe – Deus…

            Hoje estais aqui, neste Lugar Sagrado, Corgo da Igreja em oração, e nos mistérios gloriosos,  enunciastes o primeiro  – a Ressurreição de Jesus meditando-o. É isso que o mundo precisa fazer, estar em oração e meditar na Ressurreição de Jesus.

            Hoje Jesus espera por corações que estejam sedentos de conversão, de amor e de paz. É fundamental, que os filhos obedeçam sempre a Deus. Nunca deixeis de fazer o que Deus vos pedir. Nunca deixeis de viver uma Quaresma Santa, uma Páscoa Santa. O mundo precisa  de muita Misericórdia.

             Meus filhos queridos, Eu, como Mãe que catequiza o mundo, digo-vos, que só vive a verdadeira Misericórdia quem vivencia uma Páscoa Santa e uma Quaresma Santa.

             “A Misericórdia  será a última tábua de salvação “. Este é o tempo que Jesus está dando ao mundo para se preparar. Ainda têm tempo de preparar os alicerces da vossa salvação, com a Oração, com a Adoração, com a Santa Eucaristia, com a Caridade, com o Amor e com o Perdão.             Meus filhos queridos, antes de vos abençoar, gostaria que junto comigo, dissessem as Palavras que Jesus  pediu ao mundo que se pronunciassem: “ Jesus, eu confio em Vós “.

            Que todos vós continueis a  permanecer em paz, sob a Bênção de Deus Pai, de Deus Filho, que é a Misericórdia, e de Deus Espírito Santo. Ámen.

            Até qualquer dia

            Maria, Mãe da Bondade, no Corgo da Igreja.

Esta entrada foi publicada em Mensagens. ligação permanente.